Na última semana, o novo filme do Porta dos Fundos em parceria com a Netflix enfrentou uma polêmica nas redes sociais. Religiosos criaram um abaixo-assinado solicitando que o filme fosse retirado da plataforma, alegando que ele era desrespeitoso com a fé cristã ao apresentar sarcasmo e Jesus Cristo gay.

Apesar de ter 2 milhões de assinantes, a petição não parece ter dado certo. Ao invés de prejudicar a Netflix, a tentativa de boicote dos religiosos impulsionou a divulgação do filme, fazendo com que o número de visualizações da obra aumentasse consideravelmente.

Agora, a Netflix e o canal Porta dos Fundos anunciaram um novo filme juntos. Mais uma vez, o tema será um “Especial de Natal”, com lançamento para dezembro de 2020. Ignorando as críticas dos conservadores, a empresa assinou com os integrantes do grupo de humor e um novo filme em conjunto será produzido no próximo ano.


Popeek